AveSui
AveSui Biocombustível Bioenergia Biomassa América Latina Comentário B&B Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Geral Insumos Meio Ambiente Pesquisa e Desenvolvimento Sustentabilidade Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Meio Ambiente

Senado aprova urgência para Código

Valor
05-Dez-2011 13:11 - Atualizado em 20/04/2016 14:42

Após a tentativa frustrada no dia anterior, o plenário do Senado aprovou, por 58 votos a favor e seis contra, o requerimento de urgência para a tramitação do projeto de lei do novo Código Florestal. Com isso, a proposta entra na pauta e a votação ficou marcada para terça-feira, dia 6.

A Mesa tentou votar o requerimento, mas o senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) conseguiu evitar, apontando falhas regimentais - leitura da matéria em momento errado da sessão e falta de publicação. Ontem o rito foi cumprido e o requerimento, aprovado. Primeiro, em votação simbólica. Depois, com o registro nominal dos senadores, por ação de Randolfe e três aliados.

O PSOL é contra a urgência e tenta levar a votação para 2012. Para o senador do Amapá, o governo quer a sanção do novo Código Florestal antes da Conferência Mundial do Meio Ambiente, a Rio + 20, a ser realizada no Rio de Janeiro em 2012.

O texto que será levado à votação, resultado de deliberação de quatro comissões técnicas, resultou de intensa negociação entre os relatores, Jorge Viana (PT-AC) e Luiz Henrique (PMDB-SC), ruralistas e o Ministério do Meio Ambiente. Mas ainda há alguns pontos que devem ser objeto de discussão durante a votação.

O principal deles é com relação à redução das restrições ambientais à produção do camarão. A bancada do Nordeste defende que a área de apicuns, que faz parte dos manguezais, deixe de ser considerada de proteção permanente. A expectativa é que essa emenda seja aprovada.

Há também movimentação para retirar do texto dispositivo que dá competência aos comitês de bacia hidrográfica para decidir sobre o aumento das áreas de proteção dessas localizações. "Já temos o Conama [Conselho Nacional de Meio Ambiente], os conselhos estaduais, o Ministério de Meio ambiente, não precisamos de mais uma instância para criar regras e empecilhos para a produção", afirma o senador Blairo Maggi (PR-MT).

O senador Rodrigo Rollemberg (PSB-DF), presidente da Comissão de Meio Ambiente (CMA), afirmou que o projeto do novo código está pronto para ser votado, após ouvidos o Ministério do Meio Ambiente, a comunidade científica, setor rural e organizações não governamentais. "Construímos um ambiente de diálogo e, acima de tudo, um Código Florestal", disse.

Assuntos do Momento

Empresa de alimentos investe R$ 150 milhões em usina de geração de energia com biomassa
01 de Dezembro de 2021
Debêntures verdes

Empresa de alimentos investe R$ 150 milhões em usina de geração de energia com biomassa

Unidade vai gerar energia térmica a partir da palha do arroz; empresa criou uma nova subsidiária, a Camil Energia Renovável

Mercado de startups no Brasil cresce quase 30% no setor de energia
03 de Dezembro de 2021
Expansão

Mercado de startups no Brasil cresce quase 30% no setor de energia

Amazonas, Ceará, Distrito Federal, São Paulo e Santa Catarina são os Estados com mais startups voltadas ao setor de energia no país

ABiogás anuncia certificado de biometano e destaca a inauguração de 45 novas usinas em 2021
29 de Novembro de 2021
Descarbonizar

ABiogás anuncia certificado de biometano e destaca a inauguração de 45 novas usinas em 2021

Outro destaque foi a apresentação do Fundo Garantidor do Biogás, primeiro fundo com foco ambiental no Brasil, lançado em setembro pelo The Lab junto com a ABiogás

Relator propõe repasse de 80% dos Créditos de Descarbonização a produtor de biomassa
02 de Dezembro de 2021
Reivindicação

Relator propõe repasse de 80% dos Créditos de Descarbonização a produtor de biomassa

Deputado José Mário Schreiner (DEM-GO) também propõe que produtores rurais tenham o mesmo regime tributário dos produtores de biocombustível

Estudo da CCEE revela que estado de São Paulo tem mais de 17,5 mil unidades consumidoras que já poderiam migrar para o mercado livre de energia
30 de Novembro de 2021
Energia Renovável

Estudo da CCEE revela que estado de São Paulo tem mais de 17,5 mil unidades consumidoras que já poderiam migrar para o mercado livre de energia

São empresas de grande e médio porte como indústrias e shoppings que ainda são abastecidas pelo mercado regulado e que hoje possuem, sozinhas ou em comunhão, carga superior a 500 kW

Disponible en español Disponible en español
Energias renováveis batem recorde mundial, mas ainda não são suficientes
01 de Dezembro de 2021
Carbono Neutro

Energias renováveis batem recorde mundial, mas ainda não são suficientes

Um estudo divulgado pela Agência Internacional de Energia indica que, apesar do recorde batido, o ritmo ainda é insuficiente para colocar o planeta no caminho da neutralidade de carbono

Mais assuntos do momento
Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade