Guia Gessulli
03-Out-2019 10:29
De olho no mercado

Pequenos empreendedores da Construção Civil buscam capacitação em energia solar fotovoltaica

Profissionais têm como objetivo se preparar para o futuro e se diferenciar no mercado

Pequenos empreendedores da construção civil, como pedreiros e eletricistas, vêm buscando qualificação em energia solar fotovoltaica, por meio de cursos técnicos na área. O objetivo dos profissionais é preparar-se para uma demanda que vem crescendo, além de se diferenciar no mercado e agregar valor aos serviços que já oferecem. 

De acordo com dados da International Renewable Energy Agency (IRENA), o mercado de energia renovável empregou mais de 11 milhões de pessoas em todo o mundo no ano passado, sendo a energia solar a maior empregadora das fontes de energia limpa. Aqui no Brasil, segunda a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), só neste ano, a geração distribuída solar fotovoltaica duplicou de tamanho, chegando a 100 mil sistemas instalados até junho. 

Foi por ver a demanda crescente deste mercado e vislumbrar a oportunidade de influenciar pequenos empreendedores da construção civil a expandirem os serviços que oferecem, que o Arquiteto e criador do JR Construção, principal canal de construção civil do Youtube, Josias Rodrigues, resolveu se especializar e profissionalizar em energia solar fotovoltaica. “Conhecer as novas tecnologias e dominá-las garante a continuidade de nossa atuação e nos faz avançar e ampliar as possibilidades para o futuro”, ressalta. 

Segundo Raphael Pintão, sócio-diretor da NeoSolar Energia, empresa que atua na capacitação de mão de obra em energia solar desde 2013 e na qual Josias se qualificou, a quantidade de alunos que ingressam nos cursos e trabalham na construção civil vem aumentando expressivamente. “Estes profissionais buscam expandir o conhecimento na área em que atuam e, consequentemente, captam mais espaço em um mercado com clientes que, cada vez mais, procura soluções sustentáveis e profissionais completos, aptos a ajudá-los”, afirma. 

Redação
Deixe seu Recado