07-Mar-2018 16:06 - Atualizado em 07/03/2018 17:09
Matriz Energética

Investimento de R$ 9 milhões em eficiência energética beneficia mais de 47 mil clientes

Substituição de equipamentos antigos por modelos mais eficientes proporcionou economia de 4,8 GWh de energia, suficientes para abastecer 4.720 mil clientes

No Dia Mundial da Eficiência Energética, comemorado neste 5 de março, a CPFL Piratininga, distribuidora do maior grupo privado do setor elétrico, faz um balanço dos investimentos realizados em toda a área de concessão. Em 2017, foram aplicados mais de R$ 9 milhões em projetos de eficiência energética, os quais proporcionaram uma economia de 4,8 GWh no consumo de energia. Esse volume seria suficiente para abastecer um município com uma população de 4.720 pessoas por 6 meses.

Com atuação em 27 municípios do interior e litoral do Estado de São Paulo, a CPFL Piratininga beneficiou clientes com baixo poder aquisitivo, mediante a instalação de equipamentos mais eficientes (como chuveiros, lâmpadas, geladeiras e aquecedores solares), regularização de ligações clandestinas e atuação de agentes comunitários. Somente estas ações receberam mais de R$ 4 milhões.

Do montante total, a concessionária aplicou cerca de R$ 923 mil em projetos e equipamentos para tornar indústrias, clientes comerciais e residenciais mais eficientes no consumo de energia. Outros R$ 840 mil foram destinados à melhoria da eficiência energética de prédios e empresas de serviço público, com troca de lâmpadas, motores e outros sistemas energéticos. As iniciativas educacionais, que ajudam a formar consumidores mais conscientes da importância de se economizar energia receberam verba de R$ 2 milhões.

“Sabemos que a eletricidade é essencial ao bem-estar das pessoas e ao desenvolvimento da sociedade. Portanto, nossa principal missão no Programa de Eficiência Energética do Grupo CPFL é a de conscientizar nossos clientes a realizarem o consumo inteligente e seguro da energia elétrica, sempre com o foco em inovação e desenvolvimento de projetos em todas as tipologias para todos os segmentos de mercado", reforça Felipe Henrique Zaia, gerente de Eficiência Energética da CPFL Energia.

De acordo com o executivo, os recursos do Programa de Eficiência Energética advêm do valor arrecadado nas contas de energia elétrica e é regulado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). “O investimento que realizamos retorna para a sociedade em forma de projetos que tem os objetivos de reduzir o consumo e de promover educação para o uso consciente de energia elétrica, evitando, assim, o desperdício”, destaca.

Dicas para o uso racional de energia elétrica

,
.

Ascom
Deixe seu Recado