Guia Gessulli
28-Nov-2018 10:25
Mobilidade

Fortaleza deve ter ônibus movido a biogás até 2019

O projeto deve ocorrer em parceria com o Governo do Estado, via Cegás, e o aterro sanitário.

Em reunião na segunda-feira (26), o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, e o presidente da Scania, Christopher Podgorski, trataram da implantação do projeto piloto com linhas de ônibus urbano que utilizem o biometano como combustível.

 “Já tomamos a decisão política de inovar na área do transporte coletivo. A ideia é que ainda no próximo ano já possamos ter linhas de ônibus com veículos que sejam abastecidos com biometano e, aqui na Scania, eles já dominam a tecnologia que pode garantir a Fortaleza mais uma conquista importante no capítulo do transporte sustentável, uma tendência mundial”, afirmou o prefeito Roberto Cláudio, destacando que a Capital já conta com a planta de produção de biogás no aterro sanitário, e a Cegás com uma rede capilarizada de distribuição, o que facilita o investimento. O projeto deve ocorrer em parceria com o Governo do Estado, via Cegás, e o aterro sanitário.

Para o presidente da Scania, a parceria com a Prefeitura de Fortaleza “alinha-se com o que a companhia já pratica como filosofia empresarial de trabalhar na perspectiva do transporte sustentável, com eficiência energética e combustíveis alternativos. São valores muito caros para a nossa organização e estamos à disposição para esse avanço no transporte coletivo de Fortaleza”.

Os secretários João Pupo e Luiz Alberto já saíram da reunião com a tarefa de trabalhar junto com o diretor de Relações Institucionais e Governamentais da Scania, Gustavo Bonini, na elaboração de um calendário que garanta a Fortaleza a incorporação dessa tecnologia ao sistema de transporte coletivo até o primeiro semestre de 2019.

Redação
Deixe seu Recado