AveSui 2020
18-Nov-2019 09:56
Energia renovael

Eólicas conquistam nova Certificação REC para o Brasil

Usina da AES e outras quatro da Atlantic foram reconhecidas por seus desempenhos sustentáveis a partir dos objetivos da ONU

Alinhada aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU, as primeiras Certificações REC Brazil foram concedidas às Centrais Eólicas Seraíma, da AES, e Campo Formoso I, Andorinha, Ventos dos Guarás e Sertão, da Atlantic. A avaliação do Instituto Totum considera o cumprimento pelas usinas de pelo menos cinco dos 17 ODS listados pela Organização.

O trabalho de verificação e coordenação do processo de certificação é feito pelo Totum em parceria com os fundadores do Programa de Certificação de Energia Renovável – as Associações Brasileira de Geração de Energia Limpa, Abragel e a de Energia Eólica, ABEEólica. O programa também conta com o apoio da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), da Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia (Abraceel) e da Associação Brasileira de Biogás e de Biometano (ABiogás).

Para Fernando Giachini Lopes, diretor-presidente do Instituto Totum, a empresa que adquire RECs com a chancela REC Brazil, além de consumir energia renovável, também acaba sendo parceira nos programas sócio-ambientais desenvolvidos pela usina. “Essa mudança no formato da Certificação REC Brazil está alinhada às melhores práticas mundiais e garante maior credibilidade ao trabalho que vem sendo desenvolvido”, afirma Lopes.

Segundo o executivo, o Programa de Certificação de Energia Renovável, criado há seis anos no Brasil, já emitiu quase 3 milhões de certificados para empresas comprometidas com a mudança de comportamento energético. Cada reconhecimento equivale a 1 MWh de energia gerada e injetada no sistema elétrico pelo empreendimento num determinado período de tempo.

Redação
Deixe seu Recado