AveSui Biocombustível Bioenergia Biomassa América Latina Comentário B&B Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Geral Insumos Meio Ambiente Pesquisa e Desenvolvimento Sustentabilidade Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
AveSui 2012

Energia limpa: Sustentabilidade economicamente viável na cadeia produtiva

Gessulli Agribusiness
14-Mar-2012 08:22 - Atualizado em 20/04/2016 14:43

A demanda por fontes de energia alternativa é crescente atualmente devido às variações do preço do petróleo, aliadas à crise energética e aos programas de baixo carbono. Na suinocultura, a utilização do biogás produzido a partir dos dejetos dos animais é uma opção como fonte para a geração de energia. Obtido a partir da decomposição da matéria orgânica, ele é capaz de produzir energia elétrica, térmica e veicular. Antes considerado um problema ambiental, os dejetos passaram a ser uma solução economicamente viável dentro das propriedades rurais. "Com a plataforma da Itaipu Binacional, estamos desenvolvendo um conceito de biogás como um produto disponível e de ampla aplicação energética", explica o superintendente em Energias Renováveis, Cícero Bley Jr (foto). "Especificamente no meio rural, o biogás pode beneficiar produtores individuais, com escalas mais baixas, até os grandes frigoríficos, tornando o produto sua matriz energética e vendendo os excedentes", completa.

Bley Jr. é um dos palestrantes do Painel Conjuntural de Mercado da AveSui América Latina 2012. Com o tema "Geração de Energias com Biogás - Oportunidades Econômicas para a Sustentabilidade da Suinocultura", sua participação é de suma importância para destacar as tendências do setor. A utilização do biogás agrega valor à granja, uma vez que a torna sustentável e, por vezes, autossuficiente, podendo até repassar a energia produzida. Desde 2009, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) regulamentou a geração distribuída a partir do biogás e sua comercialização em todo o País. A mudança no Programa de Distribuição Brasileiro (Prodist) permitiu a pequenas unidades geradoras de energia elétrica conectarem-se à rede de distribuição para venderem energia ao Sistema Nacional. Em relação a situação anterior, quando era possível conectar pequenos geradores só no Sistema de Transmissão (100 mil quilômetros de rede no Brasil) esta mudança ampliou as possibilidades de conexão, pois o Sistema de Distribuição nacional tem aproximadamente 4,5 milhões de quilômetros de linhas no Brasil, ou seja 45 vezes mais disponibilidade de linhas de conexão, sempre localizadas nos centros de carga (demanda de energia) .

Para produzir o biogás é necessário colocar os resíduos orgânicos em um biodigestor, ocorre então um processo de saneamento sanitário aonde, em cujo interior e na ausência absoluta de oxigênio, uma colônia mista de microorganismos previamente inoculada degrada esta biomassa residual, atacando seus sólidos voláteis (degradáveis). O processo além de reduzir a carga orgânica poluente dos resíduos, também produz dois outros produtos: o digestato, com características biofertilizantes e o biogás. "Na Europa, o biodigestor é um negócio, não é uma visão romantizada de resolução de problemas ambientais como temos aqui. Lá, é transformar passivos ambientais em ativos financeiros. Estamos trazendo essa ideia para cá, para agregar valor à produção", afirmou o diretor Técnico da Recolast, Luiz Roberto P. Oliveira, durante o Congresso Latinoamericano de Suinocultura e Sustentabilidade Ambiental promovido pelo Instituto Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento da Suinocultura Sustentável, Itaipu Binacional e Parque Tecnológico Itaipu (PTI). A empresa Recolast também estará presente na AveSui 2012, com estande expondo toda tecnologia em biodigestores.

Para complementar o tema, o analista e engenheiro florestal responsável pela área de energia do Laboratório de Produtos Florestais (LPF) do Serviço Florestal Brasileiro, Waldir Quirino, que coordenará o primeiro dia do I Seminário Internacional de Biomassa & Bioenergia, em 2 de abril, proferirá palestra com o tema "O Potencial e a aplicação da biomassa na produção da agroindústria". Tema que também está associado ao uso do biogás e também a outros tipos de energias alternativas em grande escala, complementando a importância e ressaltando os benefícios desse segmento também na cadeia de proteínas.

Para inscrições e mais informações sobre grupos, seminários e eventos paralelos, acesse os sites www.avesui.com e www.feirabioenergia.com.br, ou entre em contato com a Gessulli Agribusiness no telefone (11) 2118-3133.

Serviço:
AveSui América Latina 2012 / Feira Biomassa & Bioenergia / AveSui Reciclagem Animal
Data: 02 a 04 de Abril de 2012
Local: Expo Center Norte, em São Paulo (SP)
Tel.: (11) 2118-3133
E-mail: [email protected]

Assuntos do Momento

Usina de biogás em Macaé transforma lixo em energia
30 de Junho de 2022
Energia Limpa

Usina de biogás em Macaé transforma lixo em energia

Macaé converte o gás metano, tóxico para a atmosfera, em energia limpa. Inauguração da usina faz parte do Mês do Meio Ambiente

Biogás pode ser a solução energética limpa e adequada para a Amazônia
04 de Julho de 2022
Autossuficiência

Biogás pode ser a solução energética limpa e adequada para a Amazônia

Geração de energia por esse tipo de recurso, que pode ser obtida por diferentes matérias-primas, conta com financiamento garantido pelo Banco da Amazônia, podendo atender empresas e comunidades

Bunge Bioenergia abre processo seletivo em cinco estados brasileiros
04 de Julho de 2022
Oportunidades

Bunge Bioenergia abre processo seletivo em cinco estados brasileiros

Há chances para estudantes de diversas áreas interessados nos Programas de Estágio ou Jovem Aprendiz da empresa

Energia solar é um dos mercados mais promissores entre as energias renováveis
04 de Julho de 2022
Solar

Energia solar é um dos mercados mais promissores entre as energias renováveis

Facilidades de financiamento a partir de bancos e cooperativas são vantagens estratégicas que ampliam potencial de crescimento

Vestas fornecerá turbinas eólicas para novo parque eólico em Pernambuco
04 de Julho de 2022
Eólica

Vestas fornecerá turbinas eólicas para novo parque eólico em Pernambuco

O novo empreendimento de energia eólica na região de Pernambuco contará com 19 turbinas V150-4,5MW que a Vestas fornecerá e instalará na região

Países da União Europeia concordam em encerrar venda de novos carros a combustão até 2035
30 de Junho de 2022
Carbono Neutro

Países da União Europeia concordam em encerrar venda de novos carros a combustão até 2035

A proposta da Comissão Europeia deve contribuir para alcançar os objetivos climáticos do continente, em particular a neutralidade carbônica no horizonte de 2050

Mais assuntos do momento
Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade