Guia Gessulli
05-Jul-2019 17:09
Biocombustivel

Empresas reafirmam investimentos em usina de etanol de milho no MT

Estimativa é produzir 800 milhões de litros por ano

As empresas O+ Participações, do Mato Grosso, e a Inpasa, do Paraguai, reafirmam investimentos na implantação de usina de etanol de milho.

A planta, denominada Ethanol Bionergia, ficará no município de Nova Mutum, a 238 km de Cuiabá, capital do Mato Grosso.

A reafirmação de investimentos foi divulgada há dias pelo presidente da O+, Ramiro Azambuja.

Polêmica

Semanas atrás foi divulgado que novos investimentos em etanol de milho no Mato Grosso seriam prejudicados.

Os investimentos, conforme divulgado por mídias, seriam prejudicados devido à novas regras do Fundo Estadual de Transporte e Habitação (Fethab).

Segundo divulgado, o ‘novo’ Fethab penalizaria investimentos porque  cortaria incentivos.

Confira o que foi divulgado a respeito:
Para o Sindicato das Indústrias Sucroalcooleiras do Estado de Mato Grosso (Sindalcool-MT), além de encarecer a produção do combustível, o corte de incentivos irá torná-lo mais caro para o consumidor final.

Além disso, na avaliação da União Nacional do Etanol de Milho (Unem), mexer na política de incentivos “no meio do jogo”, significa comprometer a segurança jurídica. 

E isso, consequentemente, tende a afastar investidores que hoje demonstram interesse em implantar novas plantas de etanol no estado.

Jornal da cana
Deixe seu Recado