AveSui 2020
18-Mai-2020 08:20
Balanço

CPFL Renováveis tem prejuízo de R$ 29,4 milhões no 1º trimestre

Receita líquida subiu 15,1% e ficou em R$ 384,5 milhões

A CPFL Renováveis terminou o primeiro trimestre de 2020 com prejuízo líquido de R$ 29,4 milhões, reduzindo o prejuízo de R$ 93 milhões obtido no primeiro trimestre de 2019. A empresa, que divulgou seus resultados financeiros na última quinta-feira, 15 de maio, registrou um aumento de 15,1% na receita líquida, que chegou a R$ 384,5 milhões. O Ebitda saiu dos R$ 1992 milhões do primeiro trimestre do ano passado para R$ 222,6 milhões nesse trimestre. A empresa investiu R$ 29,7 milhões no trimestre, subindo 0,7% em relação ao mesmo trimestre do ano passado.

De acordo com a empresa, o desempenho reflete a melhora do Ebitda e do resultado financeiro, parcialmente compensado pela piora da rubrica de imposto de renda e contribuição social. A subida na receita veio do aumento R$ 47,2 milhões com as PCHs pela estratégia de sazonalização da garantia física dos contratos entre os períodos, parcialmente compensada pela exposição ao GSF. Outro aumento na receita veio com a biomassa, que subiu R$ 17,4 milhões com a estratégia de sazonalização dos contratos e à maior geração. Já a redução de R$ 14,2 milhões na receita das eólicas e da holding foi causada pela menor geração dos complexos eólicos, o que foi compensado pelas operações de hedge liquidadas a PLD.

A energia gerada teve recuo de 14,6%, ficando em 1.001 GWh. A CPFL Renováveis tem 2,13 GW em operação, sendo 1,3 GW em eólicas, 453,1 MW em PCHs, 370 MW em Biomassa e 1,1 MW na fonte solar.

Redação
Deixe seu Recado