AveSui Biocombustível Bioenergia Biomassa América Latina Comentário B&B Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Geral Insumos Meio Ambiente Pesquisa e Desenvolvimento Sustentabilidade Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Financiamento

Consumidor da Região Norte poderá financiar energia solar

O Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) vai financiar a troca de geradores a diesel por usinas fotovoltaicas dos consumidores de energia da Região Norte. 

Redação com informações de Reconta aí
14-Mar-2022 08:15

O Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) vai financiar a troca de geradores a diesel por usinas fotovoltaicas dos consumidores de energia da Região Norte. A operação que permitirá o financiamento foi aprovada na última sexta-feira (11) pelo Banco Público.

O consumidor poderá ter acesso a recursos do BNDES sem a intermediação tradicional dos bancos.

“A operação vai contribuir para democratizar o acesso à geração solar para os consumidores de energia da Região Norte, permitindo maior acesso ao crédito na ponta e promovendo a desconcentração bancária”, afirmou a diretora de Concessão de Crédito à Infraestrutura do BNDES, Solange Vieira.

Será permitido o financiamento de cerca de 1,60 mil projetos. O prazo para a instalação de sistemas solares fotovoltaicos em residências e empresas localizadas na região será de até 150 meses. No entanto, antes do crédito ser aprovado pelo BNDES, a viabilidade do sistema deverá ser avaliada pela empresa Solfácil.

Segundo as estimativas do Banco Público, cada investimento deverá apresentar um custo médio em torno de R$ 37 mil e será 100% financiado. Ao todo, serão cerca de 12 MWp (megawatts-pico) de capacidade instalada, equivalente ao consumo de quase sete mil famílias.

O BNDES explica que a adesão à energia limpa possibilitará ao consumidor uma economia de até 90% na conta de luz. “A compensação será suficiente para pagar o financiamento”, afirma o banco. Após a liquidação do empréstimo, o consumidor será o proprietário do sistema fotovoltaico, quem tem uma durabilidade prevista de 25 anos.

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade