Guia Gessulli
AveSui Biocombustível Bioenergia Biomassa América Latina Comentário B&B Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Geral Insumos Meio Ambiente Pesquisa e Desenvolvimento Sustentabilidade Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Sustentabilidade

Chamada pública conjunta entre Brasil e Alemanha recebe propostas de projetos de bioeconomia

Fortalecer a bioeconomia brasileira e alemã para o desenvolvimento de soluções sustentáveis é um dos objetivos da iniciativa
 

Redação
16-Fev-2021 08:43

Está aberta até o dia 19 de março a Chamada Pública Conjunta Brasil-Alemanha para projetos de bioeconomia. A iniciativa visa apoiar o desenvolvimento de novas soluções tecnológicas, produtos, serviços e processos, baseadas nos temas de “uso industrial da biomassa” e de “plantas medicinais e aromáticas”, promovendo a geração de conhecimentos, tecnologia e inovação para ganhos econômicos, sociais e ambientais de ambos os países. 

Para isso, foi anunciado um financiamento de R$ 9,3 milhões pelo governo brasileiro e € 2 milhões pelo governo alemão. Os recursos serão disponibilizados para projetos apresentados por instituições de Ciências e Tecnologias brasileiras (universidades, Institutos Federais, órgão estaduais de pesquisa), associadas a empresas brasileiras, obrigatoriamente em cooperação com uma instituição alemã. 

As propostas de projetos acompanhadas da documentação devem ser enviadas por meio do sistema de Formulários para Apresentação de Propostas (FAP) específico para esta seleção pública. Clique aqui  e confira um passo a passo para submissão da proposta. 

O secretário de Agricultura Familiar e Cooperativismo do Mapa, Fernando Schwanke, destaca que a parceria trabalhará temas importantes para o desenvolvimento do país. “A Bioeconomia, ao associar estratégias de acesso aos mercados para produtos e processos da nossa biodiversidade, com base em sistemas produtivos inovadores, sempre a partir de uma concepção de sustentabilidade, tem potencial de alçar o Brasil a novos patamares nos espaços mundiais”. 

A chamada é resultado de trabalho cooperativo entre o governo brasileiro, por meio do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) e Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP), e o governo alemão, representado pelo Ministério da Agricultura Alemão (BMEL), Ministério Federal da Educação e Pesquisa da Alemanha (BMBF) e pelas agências de pesquisa alemãs, Forschungszentrum Jüelich GmbH (FZJ) e Fachagentur Nachwachsende Rohstoffe (FNR). 

AveSui2021_dentro

Linhas Temática

Os projetos apoiados para trabalhar a temática do “Uso industrial de recursos renováveis (biomassa)”, podem englobar o desenvolvimento de produtos inovadores de interesse mútuo para Brasil e Alemanha a partir de resíduos agrícolas, de silviculturas e industriais, além de otimização e intensificação de processos. Podem também desenvolver produtos e processos de base biológica em cadeias de valor já existentes, com o objetivo de melhorar a competitividade e a eficiência de recursos, assim como ampliar as áreas de negócio. 

Já nos projetos com a temática “Plantas aromáticas e medicinais”, as plantas deverão estar associadas ao desenvolvimento de sistemas produtivos conduzidos por pequenos agricultores e agricultores familiares, podendo ser originárias ou não da biodiversidade nacional. 

Neste caso, a iniciativa propõe o mapeamento de populações das espécies trabalhadas para caracterização da diversidade genotípica e fenotípica; o desenvolvimento científico e tecnológico da produção, processamento e comercialização de plantas medicinais, plantas aromáticas, bioativos e seus derivados; além da avaliação, seleção e caracterização de plantas e seus componentes para produtos primários de alto valor agregado para aplicações industriais. 

Assuntos do Momento

Eólica inicia ano liderando expansão do setor elétrico
22 de Fevereiro de 2021
Energia Limpa

Eólica inicia ano liderando expansão do setor elétrico

Geração por meio dos ventos soma 155 MW de um total de 191 MW no acumulado dos primeiros 45 dias de 2021

Com investimentos em energias alternativas, Brasil pode reduzir em 28 toneladas a emissão de CO² até 2025
22 de Fevereiro de 2021
Energia alternativa

Com investimentos em energias alternativas, Brasil pode reduzir em 28 toneladas a emissão de CO² até 2025

World Economic Forum e Accenture ouviram mais de 25 empresas de serviços públicos globais e trazem análise específica para o País

AveSui2021_dentro
ENGIE ultrapassa 1 GW em eólica com início da operação comercial do Conjunto Eólico Campo Largo 2
24 de Fevereiro de 2021
Eólica

ENGIE ultrapassa 1 GW em eólica com início da operação comercial do Conjunto Eólico Campo Largo 2

A unidade é formada por 86 aerogeradores e possui capacidade instalada de 361,2 MW

Projeto prevê a instalação de 15 usinas solares em Minas Gerais
25 de Fevereiro de 2021
Investimento

Projeto prevê a instalação de 15 usinas solares em Minas Gerais

Startup capixaba CleanClic, plataforma de compensação de energia renovável, integra um projeto de R$ 110 milhões para a construção de 15 usinas fotovoltaicas compartilhadas e uma central hidrelétrica no Norte do Estado.

Energia solar: novo sistema dispensa conexão com a rede elétrica
22 de Fevereiro de 2021
Inovação

Energia solar: novo sistema dispensa conexão com a rede elétrica

A tecnologia contém uma bateria de lítio para armazenar energia solar nos períodos em que não há geração de eletricidade
 

Embrapa realiza webinar sobre o uso de animais mortos  para produção de biogás
25 de Fevereiro de 2021
Biocombustível

Embrapa realiza webinar sobre o uso de animais mortos para produção de biogás

A realização do webinar é da Embrapa Suínos e Aves, com apoio do 3º Fórum Sul Brasileiro de Biogás e Biometano.

Mais assuntos do momento