AveSui2021
AveSui Biocombustível Bioenergia Biomassa América Latina Comentário B&B Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Geral Insumos Meio Ambiente Pesquisa e Desenvolvimento Sustentabilidade Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Economia

Bioenergia ameniza falta de chuva na produção de energia

A energia renovável evitou a emissão direta de 5,3 milhões de toneladas de CO2

JornalCana
26-Nov-2020 10:11

No outubro mais seco dos últimos 90 anos, a geração de bioeletricidade ajudou a amenizar o impacto da falta de chuva nos reservatórios das hidrelétricas. A energia produzida a partir de biomassa forneceu mais de 3 mil GWh ao Sistema Interligado Nacional (SIN), equivalente a mais que o dobro da geração a carvão em outubro.

O baixo volume de chuva tem obrigado também o SIN a aumentar a produção nas termoelétricas fósseis, mais caras, como forma de economizar água dos reservatórios das hidrelétricas, principalmente as instaladas nos submercados Sudeste/Centro-Oeste e Sul.

No acumulado – de janeiro a outubro deste ano – a oferta de bioeletricidade para o sistema nacional foi de 23.764 GWh, representando um aumento de 2% em relação ao mesmo período em 2019. Volume equivalente a atender 14,2% do consumo industrial de energia elétrica do país durante todo o ano passado ou 12,3 milhões de unidades residenciais.

As informações constam do Boletim Bioeletricidade em Números – Novembro/2020, editado pela União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA), com base em dados da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) e da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).

Bioeletricidade sucroenergética tem alta de 3% até setembro

Zilmar Souza, gerente de bioeletricidade da UNICA, chama a atenção que os meses de abril a outubro de 2020 representam sozinhos 90% do total da geração de bioeletricidade para a rede de janeiro a outubro de 2020. “Isto ressalta a relevância da safra canavieira no Centro-Sul, tradicionalmente iniciada em abril de cada ano. A geração de energia elétrica pelo setor sucroenergético, para a rede nacional, costuma representar mais de 80% da geração anual pela bioeletricidade em geral”, comenta.

AveSui2021_dentro

Com relação específica à geração de energia elétrica pelo setor sucroenergético, de janeiro a setembro de 2020, a bioeletricidade ofertada ao SIN foi 17.014 GWh (alta de 3% em relação à igual período em 2019), representando 82% da geração da bioeletricidade em geral no período. Estima-se que essa energia renovável tenha evitado a emissão direta de 5,3 milhões de toneladas de CO2, marca que somente seria atingida com o cultivo de 37 milhões de árvores nativas ao longo de 20 anos.

Dos 17.014 GWh gerados pelo setor sucroenergético para a rede, entre janeiro e setembro deste ano, 82% foram ofertados entre maio e setembro (período seco no setor elétrico). “Trata-se de uma geração equivalente a ter poupado 12% da água disponível associada à energia máxima que poder ser gerada nos reservatórios das hidrelétricas do submercado Sudeste/Centro-Oeste, pela maior previsibilidade e disponibilidade da bioeletricidade no período seco”, avalia Souza. Em 23.11.2020, a energia armazenada nos reservatórios das hidrelétricas naquele submercado fechou em apenas 19,635%.

Assuntos do Momento

Biodiesel de papelão: nova aposta tecnológica promete mais produção e menos poluição
11 de Janeiro de 2021
Inovação

Biodiesel de papelão: nova aposta tecnológica promete mais produção e menos poluição

Segundo os criadores, com a nova abordagem, é possível dobrar a produção e reduzir impactos ambientais

Cerveja Heineken® anuncia novo ingrediente: energia verde.
11 de Janeiro de 2021
Empresas

Cerveja Heineken® anuncia novo ingrediente: energia verde.

Em 2023, o Grupo HEINEKEN no Brasil tem o compromisso de operar em todas as cervejarias do país com energia 100% renovável.

AveSui2021_dentro
Gabinete aprova pacto entre Índia e Brasil para cooperação em bioenergia
11 de Janeiro de 2021
Cooperação

Gabinete aprova pacto entre Índia e Brasil para cooperação em bioenergia

Atualmente, Brasil é o segundo maior produtor e consumidor mundial de biocombustíveis e biocombustíveis

Nordex fecha venda de turbinas para parque eólico da Statkraft no Brasil
14 de Janeiro de 2021
Energia eólica

Nordex fecha venda de turbinas para parque eólico da Statkraft no Brasil

A Nordex disse que o negócio fechado junto à Statkraft envolverá turbinas eólicas de seu modelo N163/5.X que somarão capacidade total de 518,7 megawatts.

Avança a cooperação técnica entre a Castrolanda e as Nações Unidas
14 de Janeiro de 2021
Energia limpa

Avança a cooperação técnica entre a Castrolanda e as Nações Unidas

Cooperativa, através do Setor de Energia, tem buscado alternativas sustentáveis com relação ao desenvolvimento do biogás em suas regiões de atuação.

Siemens Gamesa e Siemens Energy inauguram uma nova era de produção offshore de hidrogênio verde
14 de Janeiro de 2021
Hidrogênio Verde

Siemens Gamesa e Siemens Energy inauguram uma nova era de produção offshore de hidrogênio verde

Iniciativa representa um passo importante para desenvolver um sistema em escala industrial capaz de produzir hidrogênio verde a partir de ventos offshore

Mais assuntos do momento