AveSui Biocombustível Bioenergia Biomassa América Latina Comentário B&B Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Geral Insumos Meio Ambiente Pesquisa e Desenvolvimento Sustentabilidade Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Empreendimento

BID doará R$ 2 milhões à Secretaria de Energia e Mineração para aplicar em projetos de energia solar e resíduos sólidos urbanos

Os fundos apoiarão na consolidação de uma matriz energética ambientalmente sustentável no Estado

Secretaria de Energia e Mineração
30-Ago-2017 15:30

O Governo de São Paulo, por meio da Secretaria de Energia e Mineração e o BID – Banco Interamericano de Desenvolvimento, firmaram um convênio de cooperação técnica no valor de 600 mil dólares, aproximadamente 2 milhões de reais, para desenvolver ações de geração distribuída com foco em energia solar e na utilização de resíduos sólidos urbanos na produção de eletricidade.

O valor será aportado a fundo perdido pelo Banco por meio da Iniciativa de Qualidade de Infraestrutura do Japão e terá duração de três anos para aplicação nos projetos que serão acordados entre a Secretaria e o BID. O governador Geraldo Alckmin publicou no último dia 26 de agosto, no Diário Oficial do Estado, a autorização para assinatura do convênio.

O termo de cooperação será assinado pelo secretário estadual de Energia e Mineração, João Carlos Meireles, e pelo representante do BID no Brasil, Hugo Flórez Timorán.

“Com esse convênio, São Paulo dá mais um passo na consolidação de uma matriz energética ambientalmente sustentável com o fortalecimento da energia solar fotovoltaica, além de apontar caminhos para o país na utilização do lixo como fonte de energia”, disse Meirelles.

O programa prevê a contratação de estudos e serviços de consultoria para avaliação do potencial de uso de energia fotovoltaica em geração distribuída em edifícios públicos e desenvolvimento de sistemas solares fotovoltaicos em geração distribuída.

O BID também financiará a análise do potencial de geração de energia a partir de resíduos sólidos urbanos (RSU) e o desenvolvimento de um projeto básico de geração de energia com RSU em São Paulo. Com isso, o estado quer fortalecer as energias renováveis, que já representam 60% na matriz energética paulista.

A Secretaria de Energia e Mineração de São Paulo dará como contrapartida o suporte aos consultores contratados e o apoio técnico para a viabilização dos projetos em municípios a serem identificados.Secretaria de Energia e Mineração

Assuntos do Momento

Usina de biogás em Macaé transforma lixo em energia
30 de Junho de 2022
Energia Limpa

Usina de biogás em Macaé transforma lixo em energia

Macaé converte o gás metano, tóxico para a atmosfera, em energia limpa. Inauguração da usina faz parte do Mês do Meio Ambiente

Biogás pode ser a solução energética limpa e adequada para a Amazônia
04 de Julho de 2022
Autossuficiência

Biogás pode ser a solução energética limpa e adequada para a Amazônia

Geração de energia por esse tipo de recurso, que pode ser obtida por diferentes matérias-primas, conta com financiamento garantido pelo Banco da Amazônia, podendo atender empresas e comunidades

Bunge Bioenergia abre processo seletivo em cinco estados brasileiros
04 de Julho de 2022
Oportunidades

Bunge Bioenergia abre processo seletivo em cinco estados brasileiros

Há chances para estudantes de diversas áreas interessados nos Programas de Estágio ou Jovem Aprendiz da empresa

Energia solar é um dos mercados mais promissores entre as energias renováveis
04 de Julho de 2022
Solar

Energia solar é um dos mercados mais promissores entre as energias renováveis

Facilidades de financiamento a partir de bancos e cooperativas são vantagens estratégicas que ampliam potencial de crescimento

Vestas fornecerá turbinas eólicas para novo parque eólico em Pernambuco
04 de Julho de 2022
Eólica

Vestas fornecerá turbinas eólicas para novo parque eólico em Pernambuco

O novo empreendimento de energia eólica na região de Pernambuco contará com 19 turbinas V150-4,5MW que a Vestas fornecerá e instalará na região

Países da União Europeia concordam em encerrar venda de novos carros a combustão até 2035
30 de Junho de 2022
Carbono Neutro

Países da União Europeia concordam em encerrar venda de novos carros a combustão até 2035

A proposta da Comissão Europeia deve contribuir para alcançar os objetivos climáticos do continente, em particular a neutralidade carbônica no horizonte de 2050

Mais assuntos do momento
Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade