AveSui Biocombustível Bioenergia Biomassa América Latina Comentário B&B Economia Empresas Exportação Eventos e Cursos Geral Insumos Meio Ambiente Pesquisa e Desenvolvimento Sustentabilidade Tecnologia Revista Todos os Vídeos TV Gessulli no YouTube Edições Revista Digital Anuncie
Mercados

Argentina aciona EUA e UE na OMC por carnes, limões e biodiesel

Reuters
06-Dez-2012 08:32 - Atualizado em 20/04/2016 14:43

A Argentina afirmou na quarta-feira que abriu um processo contra Estados Unidos na Organização Mundial do Comércio (OMC) por conta de restrições norte-americanas às importações de carne bovina e limões argentinos.

A Argentina também abriu queixa na OMC contra a União Europeia por limites à entrada de seu biodiesel.

"As demandas apresentadas pela Argentina nesta ocasião tentam resolver bilateralmente as medidas protecionistas impostas por Estados Unidos e União Europeia, que violam as normas da Organização Mundial do Comércio", disse o chanceler Héctor Timerman em conferência de imprensa.

A Argentina é o maior exportador mundial de biodiesel, o segundo em limões e um dos mais importantes exportadores de carne bovina.

Segundo Timerman, as restrições dos EUA estão vigentes há 11 anos, enquanto a UE começou com restrições em 2012, quando a Espanha suspendeu as importações do combustível em uma disputa bilateral

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência de navegação, para medir o tráfego, e para fins de marketing. Para mais informações, por favor visite nossa política de privacidade. Política de Privacidade